As bolhas do plástico bolha já não mais explodirão.


Se não fosse publicado pelo WSJ, ninguém daria crédito a esta loucura, mas infelizmente esta notícia terrível é verdadeira. Milhões de pessoas em todo mundo, viciadas em apertar com os dedos as bolhas de plástico, correm o risco de sofrer uma duríssima síndrome de abstinência. A Sealed Air, empresa que vende o plástico bolha para embalagens desde 1960 anunciou que, a partir de agora, mudam seu modelo de produção. O plástico será fabricado sem ar dentro, e as empresas que o comprem deverão preenchê-las em suas instalações com um inflador especial.

Isto não seria um problema para os viciados, mas o problema é que assim as bolhas não ficam seladas, senão interconectadas entre elas, de forma que, quando queira arrebentar uma, o ar simplesmente se transladará às borbulhas contíguas, sem produzir nenhum tipo de “PLOP!“.

Ao ocupar menos espaço, este sistema reduz para o fabricante os custos de forma importante. Afirmam que em apenas um caminhão cabe a mesma quantidade de plástico que dantes ocupava 47 caminhões.

Um dado impactante que, se confirmado, garantirá o desaparecimento de nosso adorado plástico bolha em muito pouco tempo.


Publicado

em

por

Tags:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *